Quem Somos

Em Janeiro de 2007, a Associação dos Reitores dos Santuários Franceses, teve o seu encontro anual no Santuário de Fátima.

Na preparação deste evento manifestaram a Mons. Luciano Guerra o desejo de se encontrarem com os reitores dos santuários portugueses.

Como não existia uma associação similar em Portugal, o Reitor de Fátima pediu a cada Bispo uma listagem onde constasse os santuários existentes na sua Diocese.

Recebida a lista, enviou uma carta a cada responsável desses locais, convidando-os para a reunião em Fátima com os reitores franceses.

Dos convites enviados (mais de 70), vieram ao encontro 28 responsáveis de santuários portugueses.

Antes da reunião com os reitores franceses, houve uma manhã de reflexão com os responsáveis portugueses, presidida por Mons. Luciano Guerra.

No final da reunião, decidiram os presentes encontrar-se anualmente na segunda e terça-feira a seguir à Festa do Baptismo de Jesus.

Para preparar o II Encontro ficaram responsáveis os Pe. Sezinando Alberto, Reitor do Santuário de Cristo Rei, Pe. José Melo, Reitor do Santuário de Schoenstatt de Aveiro e o Pe. José Granja, Pároco de Balasar.

No II Encontro realizado em Janeiro de 2008 estiveram presentes vinte e nove santuários.

Nesse ano foi decidida a elaboração de um site, de modo que através das novas tecnologias, pudessem os santuários ser mais divulgados.

Para além desta decisão, concordou-se fundar uma Associação, discutindo-se se a sua denominação seria “dos Santuários” ou dos “Reitores dos Santuários”.

Decidiu-se por Associação dos Santuários de Portugal, dado que a maioria considerou ser mais abrangente.

Ficaram encarregues pela elaboração dos Estatutos os Reitores dos Santuários de Cristo Rei, Fátima, Schoenstatt e Pároco de Balasar.

Para ajudar na feitura deste projecto foi convidado o Professor Doutor Manuel Saturino Gomes, da U.C.P.

No III Encontro realizado em Janeiro de 2009, com a participação de trinta e um santuários, foi apresentado o projecto dos Estatutos da Associação dos Santuários de Portugal.

Nesta reunião, apesar dos Estatutos não estarem ainda aprovados pela CEP, elegeram-se os Corpos Sociais da Associação, por achar-se que facilitaria a organização dos Encontros e o trabalho em torno dos Estatutos.

No decorrer do ano de 2009, os Estatutos foram enviados à CEP, tendo a mesma informado que, por uma questão canónica, era preferível que se alterasse a denominação da Associação, passando para Associação dos Reitores dos Santuários de Portugal, e fazendo-se as respectivas adaptações ao texto.

O assunto foi discutido no IV Encontro realizado em 2010, sendo aprovada a alteração do nome. Apesar desta alteração salvaguardou-se que faziam parte da Associação não apenas os reitores, mas também outros responsáveis que não tivessem este título (párocos e capelães que sejam responsáveis por santuários).

Foi também decidido que uma parte dos Encontros seria aberta a leigos colaboradores dos santuários.

Os Estatutos foram enviados novamente à CEP que mais tarde pediu que os mesmos fossem simplificados, indicando que certas normas de funcionamento constassem num Regulamento Interno.

A proposta foi discutida no V Encontro de 2011, sendo aprovada.

Os Estatutos já simplificados foram remetidos ao Conselho Permanente da CEP.

Finalmente, no dia 15 de Fevereiro de 2011 foram aprovados os presentes Estatutos.

Os seis Encontros já realizados abrangeram mais de cinquenta santuários, dado que em cada Encontro aparecem sempre responsáveis novos.

Segundo as listas de que dispomos enviadas por cada Diocese, são 161 os santuários portugueses.

Existem outros locais de culto que, apesar de serem considerados pelos crentes santuários, as dioceses respetivas apenas os classificam como ermidas ou capelas.

Há que dizer que, segundo o Cânone Nº 1.230, alguns destes locais já têm a característica de santuário. Por isso, para que sejam elevados a tal, é apenas necessária a ereção canónica por parte da autoridade diocesana competente.


Receba a nossa NEWSLETTER




© 2013, Associação de Reitores dos Santuários de Portugal.
Todos os direitos reservados